O incremento da produtividade com a utilização de biológicos na cafeicultura


Maio de 2021

Na terceira edição do Agro em Debate a cultura do café foi destaque para um desenvolvimento mais sustentável e a regeneração do solo.

Agrivalle, empresa do segmento de bioinsumos, produtos biológicos, nutrição vegetal, adjuvantes e inoculantes, realizou a terceira edição do Agro em Debate sobre a sustentabilidade na produção de café, com a presença de mulheres que atuam no desenvolvimento da cultura no Brasil.

Na oportunidade Eligiane Stabili, gerente de marketing de culturas perenes da Agrivalle e a engenheira agrônoma Isabella Kitano, pesquisadora da Agrivalle, voltada para as áreas de biotecnologia e microbiologia agrícola, contaram sobre como utilizar de bioinsumos para nutrição a proteção do café, levando ao incremento produtivo.

Segundo Eligiane, todas as fases da cultura cafeeira merecem atenção especial, principalmente, porque boas práticas de observação e manejo auxiliam a manter sempre uma produção de qualidade e, possibilitando que ela cresça de forma sustentável. 

Sustentabilidade é uma tendência desse mercado. O consumidor está cada vez mais exigente com o que vai consumir, mas também com o processo produtivo do cultivo. E nós da Agrivalle nos preocupamos muito com isso, ou seja, em trazer soluções que atendam as estas necessidades, de produzir com qualidade, mas de formar sustentável” explica Eligiane.

Com conceitos atrelados aos pilares da companhia, a Agrivalle traz ferramentas e mecanismos que permitam que o produtor agrícola potencialize, ative e proteja, seu cultivo, além de promover uma relação solo-planta ainda mais sustentável, por meio dos manejos focados na regeneração do solo, e assim, ativando a biota benéfica do solo.

Brevemente, a gerente de marketing explica que dentro do pilar de Ativação e Potencialização, os produtores de café podem encontrar formas de fornecer nutrientes e estímulos de forma inteligente e gradual para suas plantas. “Para ajudar no fornecimento de energia e, na metabolização e estruturação das plantas, temos o Blum CaB2 ®, solução de cálcio e boro que ajuda no pagamento da florada e na redução do abortamento floral. Já AminoCarb® é uma solução com mix aminoácidos vegetais e minerais essenciais que ajudam no transporte de nutrientes e também na atividade fotossintética, o GramTop® tem uma rica combinação de molibdênio, manganês e zinco que são complexados com aminoácidos e juntos, dão suporte para o desenvolvimento vegetativo na planta. Já o BoroPlex® é uma fonte de boro complexado e em alta concentração, que auxilia no aumento da performance e resistência das plantas. Para a fase de enchimento de grãos, temos o Finaliser®, com macronutrientes que ajudam no crescimento e na maturação dos grãos, com formulação livre de cloro” explica Eligiane.

Além disso, a utilização de bioestimulantes, de forma integrada, é uma das formas de realizar potencialização de produção, pois eles agem como ativadores metabólicos, potencializando a absorção de nutrientes e ajudando na estruturação celular, seja ela na vegetação, na florada ou no restabelecimento da planta sob uma situação de estresse hídrico ou térmico. E para isso, contamos com o Algon® que é uma composição de extrato de algas, aminoácidos e magnésio que vão auxiliar na tolerância de estresse hídrico e na preservação da clorofila, desta forma, este produto, quando aplicado preventivamente permite que a planta se restabeleça mais rápida, através da ação destes mix de componentes que vão fornecer energia a planta para que ela utilize de forma eficiente e nos momentos de maior necessidade.

Já no pilar de Proteção da produtividade, a empresa visa fornecer soluções com formulações inovadoras e multifuncionais, capazes de controlar insetos e doenças e mantendo as plantas seguras até a colheita, assim como fornece mecanismos e ferramentas para que a planta produza mais. “A proteção multifuncional também tem por conceito a aplicação de vários microrganismos para que os patógenos não alcancem estruturas vitais das plantas, criando assim uma barreira biológica”, complementa Eligiane. Para o pilar de Regeneração do Solo a Agrivalle combina produtos e microrganismos que buscam trazer mais efetividade na produção como um todo além de incrementar e estimular a biota benéfica dos solos, contribuindo para  regenerar a vida desse solo. Nesse sentido, a empresa tem em seu portfólio o  Profix®, bionematicida que proporciona o maior espectro de ação no controle de fitonematóides devido ao mix de microrganismos e o Shocker®, biofungicida multiproteção com amplo expectro de ação que além de proteção, favorece o equilíbrio de microrganismos benéficos no solo e beneficia a nutrição das plantas, propiciando um ambiente saudável para as raízes explorarem um maior volume de solo, favorecendo a nutrição e possibilitando uma melhor expressão do potencial genético das culturas.

ATENÇÃO
ESTE PRODUTO É PERIGOSO À SAUDE HUMANA, ANIMAL E AO MEIO AMBIENTE; USO AGRÍCOLA; VENDA SOB RECEITUÁRIO AGRONÔMICO; CONSULTE SEMPRE UM AGRÔNOMO; INFORME-SE E REALIZE O MANEJO INTEGRADO DE PRAGAS; SIGA AS ORIENTAÇÕES DA BULA PARA O DESCARTE CORRETO DAS EMBALAGENS E RESTOS OU SOBRAS DE PRODUTOS; LEIA ATENTAMENTE E SIGA AS INSTRUÇÕES CONTIDAS NO RÓTULO E NA BULA OU FAÇA-O A QUEM NÃO SOUBER LER; E UTILIZE OS EQUIPAMENTOS DE PROTEÇÃO INDIVIDUAL.